fbpx

Perfil do empreendedor, a importância de se avaliar o comportamento do empreender

Empreendedorismo, a importância de se avaliar o perfil empreendedor

O empreender está relacionado à capacidade de executar. É algo que exige empenho em trabalhar com o propósito de transformar projetos e objetivos em realizações efetivas.

Sendo assim, quando alguém se propõe a navegar pelas águas do empreendedorismo existe uma série de características que lhe serão necessárias para que seus planos sejam de fato colocados em prática e realizados.

Iniciar um projeto requer visão de negócios e um entendimento claro do que se quer alcançar e como isso será feito. Logo, além da vontade de fazer dar certo é preciso também de conhecimento. Um conhecimento abrangente sobre o seu nicho e o mercado. O desejo de ampliar o que já se sabe também é essencial para saber lidar com as adversidades e traçar estratégias.

O espírito competitivo é uma característica importante, visto que trará o estímulo e encorajamento para enfrentar os desafios que certamente surgirão. A capacidade de executar exige muita determinação e um esforço além da média, para que seja possível se destacar no que faz e alavancar o empreendimento.

A tomada de decisão é importante para que tempo e investimento não sejam perdidos devido a dúvidas frequentes ou dificuldades em deixar fluir o processo decisório. Empreender exige uma visão estratégica a todo momento, algo que está totalmente atrelado a tomar decisões assertivas e dentro de um espaço curto de tempo.

O início de um negócio pode acontecer de forma individual, mas certamente com o crescimento futuro será preciso incorporar pessoas que possam somar ao que está sendo construído. A formação de uma equipe de trabalho traz a necessidade de comandar e exigir do outro, para que haja um alinhamento frente aos objetivos traçados.

Gerir pessoas requer motivação diante da posição de comando, trazendo engajamento coletivo. Requer também um bom desenvolvimento das características de relacionamento interpessoal, uma vez que lidar com pessoas é algo complexo. E para que o outro abrace o seu negócio ele precisa se sentir acolhido através da sua tratativa.

A partir de uma relação de confiança e engajamento, o processo de exigência em relação aos processos e atividades é importante para a coesão da equipe e a garantia de entregas dentro dos alinhamentos propostos.

Além dos pontos levantados, é preciso destacar algo óbvio, todo empreendimento começa com o fazer do dono e por isso, além da visão sobre seu negócio é necessário também colocar a “mão na massa”. Estar pronto para a prática requer um comportamento focado, organizado e dinâmico.

Persistir e estar atento, bem como ter uma organização adequada de tarefas, disposição para os processos, agilidade, timing e adaptabilidade ao que o ambiente exigir são características básicas a serem desenvolvidas para garantir uma execução de excelência.

Emocionalmente é preciso ter equilíbrio e preparo para enfrentar os problemas. Nesse sentido, características como resiliência, tranquilidade e autoconfiança são essenciais e devem estar presentes no dia a dia de um empreendedor.

Como pudemos observar, o perfil do empreendedor precisa abranger diversas competências. E, ainda assim, existirão características mais necessárias em alguns contextos do que em outros. Isso nos leva a pensar que apesar de um perfil geral em comum, com aspectos fundamentais, cada empreendedor precisará desenvolver-se de acordo com o seu negócio e com suas questões pessoais.

Entender esse perfil é um passo importante para traçar as primeiras estratégias do negócio, visto que tudo se inicia pelo indivíduo. Dessa forma, ele precisa em primeiro lugar, estar preparado e munido de competências que o permitam uma atuação assertiva e focada em seus objetivos.

O comportamento do empreendedor é então um ponto de análise vital, e é preciso avaliá-lo de forma completa e profunda, a fim de garantir o start de um negócio de maneira fundamentada e reflexiva.

Giulia Ladeira – Especialista MAPA